01 setembro 2012

Franschhoek Uncorked

No dia 01/09/2012, início da primavera por aqui, minha host family, meus tios e eu fomos até Franschhoek Uncorked, um festival de vinhos que acontece uma vez por ano nas fazendas de vinho de Franschhoek.


O ticket eles compraram com desconto através do Grupon. Funciona assim: você compra o ticket para o final de semana, na primeira fazenda recebe uma taça e vai passando e degustando vinhos ao longo das fazendas sem custo nenhum. Se quiser, compra a garrafa do vinho que mais gostou.... E se quebrar a taça, tem que pagar R30 por uma nova!

Depois de um trajeto de mais de 40 minutos na van que o dad emprestou da empresa em que ele trabalha, chegamos na primeira fazenda: Allée Bleue. Fizemos uma boquinha com as várias coisas que tínhamos no porta-malas e depois eles foram para a desgutação.

Ficamos um tempo lá, as crianças brincaram com o feno que era decoração, tiramos fotos, eu peguei panfleto e cartão postal da vinícola e a family decidiu que voltaria depois para comprar algumas garrafas.

Uncle, Auntie, Mom, Sister, Me, Friend, Cousin and Dad
Em seguida, paramos na Solms Delta. Nessa os garçons eram quem traziam os vinhos. Teve uma apresentação de um coral de criancinhas, tinha um museu da vinícola junto com a loja. Family comprou algumas garrafas.

My cousin and I
A próxima foi Anthony Rupert. Tinha uma exposição de carros antigos (que era paga aparte, mas dei um jeitinho de entrar). 


Depois fomos à Franschhoek Cellar. Tinha uma carrocinha de bebidas que se chamava Braziliant Express; tinha banda tocando ao vivo; tinha um chafariz no qual as crianças se molharam todas... Nessa vinícola recebia-se um carnê com alguns ticketzinhos, que limitavam o número de degustações. 

 
Também fomos à Rickety Bridge. Era enorme, estava lotado (sem nem espaço para sentar) e tinha reggae ao vivo. Family comprou algumas garrafas e já tinha até deixado uma no carro para tomarem na volta.

Por último, La Chataigne. Pequeneninha e nem tão bonita assim. Fizemos um lanche e eles se revesaram para a degustação porque as crianças estavam dormindo no carro. Tinha um Rottweiler mansinho!


Voltamos até a Allé Bleue para comprar os vinhos antes que as fazendas começassem a fechar. No caminho de volta para casa foi ótimo ver o por do sol na rodovia beira-mar e também foi engraçado a family tentando decidir onde íamos comer. Cada um queria uma coisa!

Acabamos parando no Cattle Baron, um restaurante pertinho aqui de casa que eu nem sabia que existia. Fica no segundo andar e tem um ar todo romântico, com pouca iluminação, velas, sofás... Pedimos a comida e depois esperamos.


Quase todo mundo pediu steak e eu burguer. Minha tia pediu como entrada um prato com fígado de galinha e ela perguntou se eu queria provar: "Não, não, obrigado" "Ah Gus, tenta" "Não" "Faz parte da experiência" *me serviu com uma garfada*. 

A brincadeira da noite foi fazer graça com a garçonete. Coitada... Foi até chamar o gerente porque não sabia mais o que fazer para nos agradar. Uma palhinha para vocês "Como eu vou ter certeza se o filé tem mesmo 400g? Me traz uma balança......... Não não, brincadeira" Host dad.

Eu estava morrendo de canseira e felizmente voltamos para casa. Ajudei a descarregar o carro, tomei banho e fui para cama. Quando a emprega foi tomar banho, depois de mim, o chuveiro simplesmente não estava funcionando... vai entender.

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...