21 junho 2012

Cinco meses


Dia 17/06/2012 completei mais um mês em Cape Town! E dessa vez só lembrei porque vi que um outro intercambista publicou no facebook que tinha completado mês aqui... O tempo realmente está passando rapidinho se eu for parar, pensar e ver tudo que já vivi aqui. Eu fico meio bobo quando vejo quantos posts esse intercâmbio já rendeu.

Vocês já também pararam para pensar no que é tempo?  O intercâmbio anda me intrigando e me questionando bastante quanto à essa resposta. Principalmente agora que vários intercambistas estão terminando o programa e voltando.

A gente vive um ano inteiro, completamente diferente, e depois tudo acaba? Será que é assim ou é diferente? Então eu tenho que aproveitar ao máximo, né? Mas as vezes o tempo parece não passar, parece estar congelado. De vez em quando os ponteiros do relógio acham justo dar algumas voltas e os dias do calendário andam para frente... Aí quando vejo já estou no 5º mês, em quase metade do ano que eu sonhei.


Às vezes acho que estou muito apegado à tudo que deixei para trás... Mas as vezes acho que é a única coisa concreta e que me dá forças pra continuar, sabe? Quero fazer história, quero tornar esse ano especial, quero marcar a vida de outras pessoas...

Mas intercâmbio não vem com manual de instruções. Você faz o seu intercâmbio. A questão é: existe um jeito certo? Eu estou fazendo do jeito certo? É uma oportunidade única, que não tem reprise e sim só flashbacks lá no futuro...

"Cada segundo que passa é um milagre que jamais se repete."

Também preciso destacar algo que ando sentindo frequentemente: estabilidade. Não sei se essa é a expressão correta, mas vou dar um jeito de explicar para vocês... "A expressão estabilidade está associada à ideia de permanência em um determinado estado por um determinado tempo."

Meu inglês parece que simplesmente parou de crescer e meu cerebrozinho parou de acrescentar novas coisas desse outro idioma lá dentro. Claro que ando aprendendo mais coisas, mas não como antes... Acho que no início era tudo novidade e eu tinha mais coisas para perguntar e aprender. Isso pode até ser sinal de que já aprendi bastante! Não é?!

Saudade dá e passa. Vai e volta. Cutuca a ferida. Mas a gente aprende a lidar com isso. Aprende a controlar ou muitas vezes pensa que aprendeu.

Essa é a hora em que volto ao início do post e arrumo tudo que ficou sem sentido. Obrigado por ouvirem meu chororô.

4 comentários:

  1. É realmente o tempo passa e a gente não se da conta do quanto ja passou! beijoss

    ResponderExcluir
  2. Acho que esse foi um dos melhores posts que você já escreveu, Gus.

    Parabéns pelos 5 meses de intercâmbio (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigadão mesmo Jéssica! Eu estava 'meio assim' de colocar todo esse blablabla, mas que bom que alguém gostou :)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...